terça-feira, 19 de abril de 2011

Sapatos Vermelhos [II]

A noite parecia existir sem muito sentido. A moça caminhava por entre ruas de calçamento cheias de lama. Não havia em si o medo de sujar os sapatos. Não se sentia suja ou amarga. Sentia-se anestesiada pela brisa mansa vinda do mar logo ali. Parou, tomou uma cerveja quente e cuspiu tudo de volta no copo trincado.
Jacqui Faye; All Grown Up
Pagou a conta. Não precisava. Ficou de pé a olhar estrelas que não estavam no céu. Um rapaz chega e elogia as estrelas. A moça não o entende. Não encontra estrelas. O brilho da noite começa a sumir gradativamente. Breu era a única visão da moça naquele instante eterno. O rapaz a pegou no colo. Era muito novo para entender o dissabor etéreo que a vida oferecia.

Carolina Desmondier

11 comentários:

Lara Amaral disse...

Um tom de mistério invisível e compartilhado por eles. Adorei!

Beijo.

Blog da Marcy disse...

Olá gostei mt do post. SEmpre passo por aqui e curto mt.

♪ Sil disse...

A moça do sapato vermelho...

Quantas de nós não calçamos esse sapato, e vivemos as mesmas histórias?

Ahhh Carol, como é bom te ler.

Amada, vim deixar um abraço e te desejar uma páscoa bem bonita.
Que a gente não esqueça jamais que Jesus sempre esta no comando de nossas vidas.
Aproveite o chocolate. (eu como chocólatra assumida, vou me empanturrar rsrs).

Amooooooo você!

Beatriz Amorim disse...

Olá querida! (:
Vim avisar que estou tendo muitos problemas com meu blog, por isso que estou com outro:

http://segredosvelados.blogspot.com/

Quando puder, da uma passadinha lá!
Grande beijo
Feliz Páscoa!

Amapola disse...

Boa tarde, querida amiga Carol.

Lindo conto. Ela já estava calejada da vida.

Que a paz de Cristo faça morada em seu coração.

Um grande abraço.
Feliz Páscoa!!

Amapola disse...

Muito obrigada pela honra da sua visita.

Estou lhe seguindo também.

Fernand's disse...

ela é muito boazinha... pagou uma cerveja quente no copo trincado???



hahaha

disse...

Noite sem estrelas é desabor na certa..... cair em desalento....

Beijoss

Juliana Dias disse...

Carol! Feliz páscoa!!!

On The Rocks disse...

Oi,

gostei, principalmente do final. Gosto desse quê de mistério.

Até mais.

Michele P. disse...

Carolzita

Passei deixar um oi e informar que bloqueei meu blog temporariamente, por motivos pessoais. Mas continuarei a visitar os amigos e assim que me sinta melhor, volto a escrever.

Espero que sua Páscoa tenha sido doce e iluminada. :)

Um abraço e um afago nos cabelos!