quarta-feira, 21 de abril de 2010

Doses Matutinas

Sentada com dois gatos preguiçosos
Observo o nada se dissolvendo
em pequeninas doses absurdas de felicidade.
 Carolina Desmondier 













[imagem do google]

8 comentários:

Pérola disse...

Lindo!!!
A felicidade se encontra nas coisas simples.
Adorei.
Um beijo grannnnnnde.

transfusões .:. disse...

Competição covarde entre o que é mais foufo: teus versos ou a figura que representa teus versos!<=]

Márcio Vandré disse...

A vantagem disso é que não dá a azia que alguns "redoxons" da vida dão ao se dissolver.
Um beijo, Carol!

Lara Amaral disse...

Essas doses, guarde-as bem em frascos sem exposição à luz ou umidade, qualquer cuidado é pouco. (Na poesia tbm é bem guardado =)

Lindo e delicado como vc, o seu escrito.

Beijo!

Eduardo Porto disse...

Esses gatinhos parecem conosco. Te amo anjo.

Ludmila Ferreira disse...

Lindoooo.....

No momento fico feliz em saber que existem pessoas que ainda possam desfrutar de coisas tao simples com grandes doses de felicidades...

Paarabéns...

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Gosto, gosto tanto, e olha que nem sou fã de gatos.

meus instantes e momentos disse...

que bom conhecer teu blog.
Parabens. Muito bom.
Maurizio